Porque contratar profissional em arquitetura de interiores?

Porque contratar profissional em arquitetura de interiores?

📅setembro 28th, 2016, 22:26

Alguns acham que é muito caro. Outros pensam que dão conta de fazer sozinhos. Mas a verdade é que contratar um profissional especializado em decoração faz toda a diferença no resultado final.

Pense assim: depois de muita batalha, finalmente você conquistou o sonho de ter sua casa própria. Suou muito para isso e agora quer que ela tenha a sua cara, o seu jeito, que acomode um pouco de cada referência que traz na bagagem. Você quer que o lugar seja aconchegante e ao mesmo tempo funcional, não é?

Então, você começa a se questionar sobre as melhores opções de luzes, onde comprar os móveis e as peças decorativas com melhor preço, as cores que não deixarão sua casa nem sem graça e nem ‘over’, como encontrar um bom pintor e outros tantos detalhes. Nem sempre temos conhecimento do mercado ou tempo de pensar em tudo isso. E o designer pode ser seu aliado nesse momento!

Além de propor ideias criativas, inovadoras e cheias de funcionalidade, você vai ter alguém do seu lado de confiança para tratar e lidar com todas as pessoas envolvidas nesse processo: desde o pintor até a loja de móveis. Além dessa tranquilidade, o designer também vai garantir que você consiga os melhores preços, afinal ele possui muitas parcerias com outros profissionais da área: pintores, carpinteiros, revendas de fábrica, lojas e muito mais. O resultado é uma experiência de preparar o seu novo lar bem menos estressante e um imóvel com sua cara e estilo.

Está convencido? Antes de sair fechando qualquer negócio, veja 5 dicas para fazer essa experiência a melhor possível:

  1. Pesquise muito antes de fechar o negócio!

A internet é sua aliada nesse momento. Antes de fechar o negócio, avalie se o escritório tem mesmo credibilidade e peça referências a outros clientes. Você pode usar as redes sociais da empresa para conseguir essas informações.

 

  1. Comunicação é chave!

Após escolher o designer, você e ele sentarão para um primeiro encontro onde você vai apresentar as plantas do seu imóvel. É muito importante nesse momento contar todas suas expectativas para cada ambiente: fale sobre seu estilo, seu jeito de ser e como deseja se sentir dentro da casa. E não se esqueça de deixar claro o quanto você quer (e pode) investir.

 

  1. Fique atento aos detalhes!

O designer irá até seu imóvel para verificar todas as medidas, analisar a incidência da luz natural e as áreas comuns, se for o caso.

Além da estética, o bom profissional também considera a praticidade do imóvel. Ou seja, ele deve pensar nos móveis, área para circulação, utilização de cada espaço, materiais e tecnologias mais adequados. Então, fique atento!

 

  1. Avalie cada proposta com cuidado

Antes de começar a colocar a mão na massa, o designer vai apresentar o anteprojeto para você ter uma ideia de como seu imóvel vai ficar depois de pronto. Alinhe com ele todos os detalhes: compare as diferentes propostas, diga o que mais e menos gostou em cada uma e o que não quer ver na sua casa de jeito nenhum. Esse é o momento também de mencionar outras ideias que ainda não haviam sido pensadas.

 

  1. Curta o momento

Após definirem o projeto final, agora é sentar e curtir a transformação. Deixe para o designer cuidar dos orçamentos, contratação de terceiros em serviços como marcenaria, elétrica, pintura etc. Ele também vai gerenciar e acompanhar todo o processo de fornecedores desde a obra até a escolha compra e recebimento dos mobiliários e objetos de decoração. O profissional vai cuidar de cada detalhe: instalação de equipamentos e móveis, testes de iluminação e tudo mais o que você imaginar necessário para, finalmente, assumir seu novo lar.

A sua função nisso tudo será aprovar as demandas (preços, peças e projetos) e curtir esse momento tão especial para todo mundo que está montando uma casa.

 

About Author

Enzo Schahin Carità
Enzo Schahin Carità
View more posts by author